Portal Tour na Itália: turismo, cultura, tours, serviços e experiências!

Viajar na Itália em Dezembro: um guia com tudo o que você precisa saber

Pensando em lhe ajudar a organizar sua viagem neste período frio de inverno e cheio de festividades, criei um guia com tudo o que você precisa saber para viajar na Itália em dezembro.

Os dias longos estão no fim, agora a noite chega mais cedo, é inverno! Dezembro é um mês frio e os resorts alpinos começam a abrir para o início da temporada de esqui, embora as imponentes festividades de Natal mantenham a vida quente e brilhante.

As semanas anteriores ao Natal estão repletas de eventos religiosos. Muitas igrejas montam presépios conhecidos como presépios. Nápoles é especialmente famosa por isso, leia San Gregorio Armeno, a rua dos presépios de Nápoles. Na véspera de Natal, o papa faz missa da meia-noite na Praça de São Pedro.

Dezembro provavelmente não é o primeiro mês que vem à mente quando você pensa na época ideal para viajar para a Itália. Todo mundo fala sobre as outras três estações – a bela primavera italiana e suas colinas verdejantes, o verão e a cultura italiana de praia, e o outono, com suas colheitas de uvas e festivais de outono.

No entanto, o inverno  pode ser um momento perfeito para visitar a Itália! Em dezembro, você terá cerca de 9 horas de sol por dia para:

  • passear em cidades iluminadas com as luzes de natal
  • esquiar ou praticar snowboard em algumas das melhores pistas da Europa
  • visite museus e lojas mundialmente famosos – sem multidões de outros turistas
  • experimente iguarias regionais italianas natalícias, e os deliciosos pratos invernais como carnes de caça e polenta!

Porque viajar na Itália em Dezembro?

Essa é a pergunta de milhões, mas como respondo todos os meses, tudo vai depender:

  • do seu estilo de turismo: “quero ver o máximo no mínimo tempo”, ou tipo slow, tipo curioso, quer só beber e comer, etc
  • dos interesses de viagem: esquiar, museus, praia, etc
  • da sua preparação: se preparar e viajar já consciente do que encontrara no período do ano que viaja em termos de temperatura, gastronomia e festividades da época

Portanto a decisão é com você!

Leia alguns dos nossos textos sobre as Festas de Fim de Ano na Itália:

Lhe dou algumas razões – POSITIVAS para viajar em Dezembro:

  • As multidões se foram! Você pode viajar para cidades como Roma e Florença e se sentir como um morador local! Os turistas que circulam são geralmente de outras partes da Itália ou da Europa.
  • A Itália tem estações de esqui incríveis, porque não aproveita-las
  • Você pode descobrir outros lados de destinos populares, e sem filas e multidões, sobrar mais tempo para passear
  • O país entra no espírito natalino com luzes, enfeites, iluminações de árvores de Natal, mercados de Natal e festivais.
  • Dependendo de onde você viaja, pode ser um momento barato para visitar. É baixa temporada em Florença, por exemplo, então você encontrará ótimas ofertas de hotéis
  • período ideal para provar as delícias gastronômicas do período natalício como panetone, pandoro, etc –  mas também aos pratos de inverno como carnes de caça, polenta, cannederli, etc

Lhe dou algumas razões – NEGATIVAS para viajar em Dezembro:

  • Você verá que algumas coisas estão fechadas. Cidades litorâneas e parques de diversões fecham para o inverno. Alguns restaurantes e lojas em cidades pequenas fecham durante os meses de inverno porque não recebem visitantes suficientes para que valha a pena permanecer abertos. Quase tudo fecha nos dias 25, 26 de dezembro e 1 de janeiro.
  • Você não poderá nadar na praia, fazer trekking nas Dolomitas, praticar kitesurf no Lago Como ou participar de outras atividades típicas de clima quente
  • O tempo costuma ser chuvoso e frio, as vezes e dependendo do local, ventoso.
  • Dependendo de onde você viaja, pode ser uma época cara para visitar, por exemplo: é alta temporada para estações de esqui nas Dolomitas, por exemplo, então espere pagar um prêmio por hotéis, atividades e restaurantes.
  • Há menos luz solar (9 horas por dia, contra 15 horas por dia em junho). Embora a escuridão seja perfeita para olhar as luzes de Natal e deixa tudo mais romântico de frente a uma lareira.
  • Se você está procurando pechinchas para compras, precisará esperar janeiro, quando a Itália tem um de seus dois períodos de saldos (o outro é em julho).

Tempo em Dezembro

A Itália não é um país grande, mas o clima em dezembro na Itália varia bastante dependendo de onde você está.

Experiências Relacionadas
  • O norte da Itália  pode ser muito frio e há neve em altitudes mais elevadas. As temperaturas giram em torno da marca de 5 graus Celsius.
  • A Itália central também tende a ter invernos frios e pode ver neve. As temperaturas são geralmente em torno de 10 graus Celsius.
  • O sul da Itália  é mais quente em dezembro, mas não é tempo de banho de sol! As temperaturas tendem a pairar em torno de 14 graus Celsius.

Muitas cidades italianas (Milão, Veneza, Florença, Parma, para citar algumas) podem sentir muito frio durante o inverno, quando a umidade se combina com as temperaturas frias.

Certifique-se de verificar a previsão do tempo antes de sair. O clima pode te surpreender!

Cidade temp/Alta temp/Baixa Precipitação Notas
Milão 7°C 1°C 9,8 mm menos chuva do ano
Veneza 8°C  1°C 13,2 mm mês mais frio, junto com janeiro
Florença 11°C  3°C 36,7 mm
Roma 13°C 4°C 32mm
Nápoles 14°C 6°C 42,8 mm
Palermo 16°C 511°C 54,6 mm mês mais chuvoso do ano

*Temperaturas médias e fonte de precipitação: timeanddate.com

Feriados e Festivais na Itália em dezembro

Antes de tudo, é melhor se organizar antes da sua viagem, já sabendo o que vai acontecer na Italia, ou seja, os eventos, mercados e festas durante sua viagem. Por isso leia: O que fazer na Itália em Dezembro?

A Itália tem mais feriados nacionais em dezembro do que em qualquer outro mês. Existem também alguns outros feriados que são observados no local de trabalho e em público.

Nem todos os italianos comemoram as festas da mesma forma – depende da família e de onde você está no país.

Abaixo, observei quando as coisas podem ser fechadas. Os dias e horários de funcionamento variam de acordo com a região e a cidade.

Além disso, algumas áreas do país são mais movimentadas em dezembro e exigirão mais reservas antecipadas para museus e reservas para restaurantes. Por exemplo, Roma pode ficar movimentada em dezembro com visitantes internacionais participando das comemorações de Natal na Cidade do Vaticano. Isso significa que mais restaurantes estarão abertos, mas você precisará fazer reserva. Positano estará vazio e é mais provável que os restaurantes recebam clientes (se estiverem abertos – verifique sempre!).

8 de dezembro – La Festa della Immacolata Concezione

Tradução: A Festa da Imaculada Conceição
O que celebra: O nascimento da Virgem Maria sem pecado original
O que as pessoas costumam fazer: passar um tempo em casa com a família
Tradições:
– Montar e decorar a árvore de natal
– festa que comemora a Iluminação das árvores da cidade (l’accenzione dell’albero)
– Início dos festivais e mercadinhos de natal de algumas cidades
Feriado Nacional: Sim
Aberto/Fechado:   Museus e restaurantes em cidades maiores permanecerão abertos, mas cidades menores e vilas podem fechar para o feriado. Quaisquer museus ou atrações com vínculo religioso serão fechados (por exemplo, os Museus do Vaticano em Roma). Verifique os sites oficiais dos museus e ligue para os restaurantes para garantir que estarão abertos.
Reservar com antecedência: Sim
Se o dia 8 de dezembro  cair em uma sexta ou segunda-feira, muitos italianos tiram um fim de semana prolongado, então você encontrará mais multidões em restaurantes, museus, etc.

24 de dezembro – La Vigilia di Natale

Tradução: Véspera de  Natal (Vigilia)
O que comemora: Dia antes do nascimento de Jesus.
O que as pessoas costumam fazer: surpreendente para alguns, é um dia normal de trabalho para os italianos a véspera de Natal. Mas, há jantares e reuniões familiares à noite, bem como a missa da meia-noite. Esta noite pode ser mais importante do que o dia de Natal para alguns italianos de algumas regiões.
Tradições:
– Jantar em família
– missa da meia-noite
Feriado Nacional: Não
Aberto/Fechado: Tudo permanece aberto, mas algumas lojas e restaurantes fecham um pouco mais cedo.
As escolas estão fechadas, então você encontrará mais multidões em locais voltados para a família.
Reservar com antecedência: Sim (restaurantes)

25 de dezembro – Natale

Tradução:  Natal
O que celebra: A data de nascimento de Jesus.
O que as pessoas costumam fazer: as famílias passam o dia juntas, muitas vezes em grandes grupos. O almoço pode durar horas … e horas…
Tradições:
– Passe o dia com a família
– Fazer uma grande refeição
– Desfrutar de um panetone ou pandoro ou outro bolo de Natal
– Presentes serão distribuidos e abertos
Feriado Nacional: Sim
Aberto/Fechado: Quase tudo na Itália fecha no Natal (museus e atrações fecham), mas os italianos não vão deixar você passar fome, então você ainda encontrará alguns restaurantes abertos.
O transporte público é muito limitado. Se possível, evite viajar no dia de Natal na Itália.
Mesmo que quase tudo esteja fechado, isso não significa que você precise ficar dentro de casa – saia e explore a cidade, visite uma igreja, veja as luzes do feriado ou aproveite o ar livre!
Reservar com antecedência: Sim (restaurantes)

26 de dezembro  – Il Giorno di Santo Stefano

Tradução:  Dia de Santo Estêvão
O que celebra: Santo Estêvão, o primeiro mártir cristão.
O que as pessoas costumam fazer: as famílias passam o dia juntas. Algumas famílias ficam em casa, enquanto outras saem (talvez para uma passeggiata com amigos e familiares). Algumas cidades têm procissões em homenagem a Santo Estêvão.
Tradições:
– Fazer uma doação
– Visitar um presépio
– As árvores de Natal não são desfeitas no dia 26. De fato, os italianos costumam manter suas árvores de Natal até a Epifania, em 6 de janeiro .
Feriado Nacional: Sim
Aberto/Fechado: A maioria das atrações, lojas e restaurantes estão abertos. Verifique o horário de funcionamento porque alguns lugares (como os Museus do Vaticano em Roma ) estão fechados.
Reservar com antecedência: Sim (museus ou atrações imperdíveis)

31 de dezembro –  La vigilia di Capodanno  ou La Notte di San Silvestro

Tradução:  Véspera de Ano Novo.  Vigilia é ‘pre’, capo é ‘cabeça’ e d’anno é ‘do ano’. Também é chamada de La Notte di San Silvestro, ou noite de São Silvestre, dia santo do Papa Silvestre I, que morreu em 31 de dezembro de 335.
O que comemora: O último dia do ano (calendário gregoriano)
O que as pessoas costumam fazer: jantares comemorativos em restaurantes, fogos de artifício, festas.
Tradições: Dependendo de onde você estiver na Itália para o Réveillon, você pode encontrar italiano(a)s que:
– Usam a roupa intima vermelha para dar sorte
– Comem tortellini in brodo (tortellini em caldo) no jantar
– Coma zampone con lenticche (uma linguiça dentro de um pé de porco com lentilhas) à meia-noite. As lentilhas e os rolos de carne fatiadas simbolizam a riqueza (parecem moedas). Alguns escolhem cotechino em vez de zampone , que é essencialmente o mesmo que zampone, mas se parece mais com uma salsicha (em vez de um pé de porco).
– Acendem uma fogueira para afastar os maus espíritos
– Trocam figos embrulhados em folhas de louro.
– Acendem fogos de artifício para espantar os maus espíritos (aqui na Toscana é muito comum)
– Lancem objetos antigos pela janela. Não é mais praticado, mas ficou famoso em um filme
Feriado Nacional: Não
Aberto/Fechado: A maioria dos lugares fica aberta durante o dia, mas pode fechar no início da noite para que os trabalhadores possam chegar em casa para comemorar com suas famílias e amigos.
Reservar com antecedência: Sim (ESSENCIAL para restaurantes, recomendado para museus ou atrações imperdíveis)

Férias escolares  

Os alunos italianos normalmente têm uma pausa de férias de 2 semanas, de 23 de dezembro até o dia seguinte à Epifania (6 de janeiro), ou na segunda-feira seguinte, se cair em um fim de semana. É importante ter em mente esta pausa porque haverá mais italianos em destinos de férias na Itália (estações de esqui, grandes cidades) durante esse período.

O transporte público também estará mais lotado e você encontrará tráfego mais pesado nas estradas, principalmente no início e no final do intervalo.

Hotéis e atividades familiares estarão em alta demanda, portanto, se você quiser (ou precisar) viajar durante esse período, reserve com antecedência!

O que fazer  em Dezembro?

Veja algumas dicas do que fazer neste período:

MERCADOS DE NATAL – Você conhece a magia dos mercadinhos de Natal na Itália? Várias cidades se enchem de luzes, cores, perfumes e se transformam totalmente nessa época do ano. Os mercadinhos geralmente começam no início de dezembro e vão até o dia 06 de janeiro, então se você viaja nesse período, não deixe de visitar um deles e curtir um pouco da atmosfera natalina aqui no hemisfério norte. Assim, aqui vão alguns dos principais mercadinhos de Natal realizados na Itália. leia:

PRESÉPIOS VIVOS : Os presépios vivos, em italiano “presepi viventi“, são bastante comuns na Itália. As cenas na natividade são geralmente encenadas por vários dias durante as festas de fim de ano. Tradicionalmente, aqui na Itália, o foco principal das decorações de Natal são mesmo os presépios, até porque a árvore de Natal só veio aparecer no país após a II Guerra Mundial. Toda igreja tem um presépio e eles podem ser encontrados também em praças, lojas e outras áreas públicas. Mas além dos presépios normais, os presépios vivos são uma tradição secular, e pode ser uma ótima ideia planejar visitar alguns, caso sua viagem aconteça no período do Natal. Talvez muitos não saibam que a primeira cena de natividade da história foi encenada por São Francisco de Assis, no Natal de 1223, em Greccio, na região central do Lazio, a cerca de 100km de Roma. Como descrito na biografia de São Boaventura, o santo obteve permissão do papa para montar, com a ajuda da população local, uma manjedoura com feno, um boi e um asno numa caverna do vilarejo. São Francisco tinha a intenção de recriar a atmosfera mística do Natal em Belém, para que todos pudessem ver com seus próprios olhos onde Jesus nasceu. Ele então convidou os aldeões a assistirem à cena enquanto pregava sobre Jesus. Greccio reencena esse evento a cada ano, e por isso eu recomendo a leitura:

TEMPORADA DE ESQUI : A Itália abriga quatro das maiores casas de ópera do mundo: La Scala (Milão), La Fenice (Veneza), Teatro San Carlo (Nápoles) e Teatro Massimo (Palermo). Tradicionalmente, a temporada ocorre de meados de outubro a março, embora o La Scala abra no dia Santo Ambrosio (7 de dezembro).

TEMPORADA DE BANHOS QUENTES – No outono é período ideal para aproveitar a chegada do frio e fazer banhos quentes, você sabia que a Toscana tem uma série de termas grátis e a pagamento?

REVEILLON: temos sim dicas de onde e o que fazer no fim de ano na Italia!!! Veja o que preparamos para você!

Onde ir em Dezembro?

 

Os 7 melhores lugares da Itália para visitar em dezembro  

Localização O que fazer
1. Áreas de esqui: Dolomitas e Monte Bianco esquiar nas melhores pistas da Itália
2. Roma ver o Papa na missa da véspera de Natal
3. Taormina (e Sicília) assista ao  Carretti Siciliani  enquanto mastiga doces sicilianos
4. Veneza aproveite todas as luzes cintilantes enquanto passeia pelas pontes e ruas estreitas da cidade à noite
5. Trentino Alto Ádige: Bolzano e Trento absorva a atmosfera de férias no melhor mercado de Natal da Itália
6. Turim encontre as instalações Artist’s Lights espalhadas pelo centro da cidade
7. Florença tome chocolate quente em um café, passeie pelas ruas e admire as decorações natalinas
Interessante 1 – Nápoles explore a famosa rua de artesãos do presépio (presépio) da cidade
Interessante 2 – Milão experimente as melhores compras de Natal da Itália, explore o distrito de Brera
Interessante 3 – Salerno maravilhe-se com algumas das exibições de luz natalinas mais espetaculares da Itália
Interessante 4 – Locorotondo (& Puglia) confira um presépio vivente (presépio vivo) e iguarias Pugliese

1. Áreas de esqui em dezembro : Dolomitas e Monte Bianco

Se você está procurando aldeias nevadas perfeitas, dou 3 dicas:

  • San Cassiano é o seu lugar. São mais de 130 quilômetros de pistas de esqui e snowboard e, quando terminar, você pode relaxar em apartamentos, hotéis ou pousadas limpos, confortáveis ​​e bem equipados. A comida é deliciosa e as pessoas fazem parte da cultura ladina. Eles têm sua própria linguagem, costumes, receitas e muito mais.A cidade é pequena (algumas lojas, uma pequena loja de gelato/sobremesa, uma pizzaria, uma pequena mercearia, um museu ladino), mas se você está procurando um pouco mais de ação, pode ir até o mundialmente famosa Cortina d’Ampezzo para compras sofisticadas e observação de pessoas ou Corvara in Badia para uma atmosfera mais esportiva e mais lojas.   
  • Courmayeur, Valle D’Aosta aos pés do Monte Bianco: Courmayeur oferece um cenário montanhoso de tirar o fôlego. O coração branco dos Alpes é um dos destinos turísticos de inverno mais procurados da Europa, não só pela beleza das encostas e pelos espetaculares panoramas alpinos, mas também pela acolhida e vivacidade da vida social. Em suma, passar as férias em Courmayeur, especialmente no Natal, pode ser a solução ideal para quem procura a atmosfera mágica e rarefeita das montanhas. Courmayeur também é um excelente ponto de partida para explorar a majestade do maciço do Mont Blanc (Monte Bianco), com seu skyway, uma cabine giratória que ultrapassa 3.000 metros, e lá no alto ainda é possível almoçar com vistas incríveis. Lembrando que, no Valle D’Aosta temos vários castelos abertos para visitas no inverno.

2. Roma em dezembro

Dezembro é uma das minhas épocas favoritas do ano para visitar Roma. Ainda há turistas, mas são principalmente europeus, e não chegam nem perto dos números que você vê em outras épocas do ano (exceto perto do Natal, quando o número de visitantes aumenta devido à missa de véspera de Natal do Papa e sua bênção de Natal).

Ver o Coliseu sem multidões ou passear pelos Museus do Vaticano sem pessoas lado a lado é muito mais agradável.

Assista à missa da véspera de Natal ou à bênção do dia de Natal com o Papa na Basílica de São Pedro. Confira a enorme árvore (de algum lugar da Itália, ela muda anualmente) e o presépio na Praça de São Pedro.

A cidade é enfeitada com luzes de Natal e existem alguns mercados de Natal espalhados pelo centro.

Meus lugares favoritos para procurar presentes incluem o bairro de Monti e a via del Corso.

3. Taormina (e Sicília) em dezembro

O inverno ameno da Sicília a torna ideal para quem não quer enfrentar as baixas temperaturas da Itália em dezembro. A ilha também está repleta de cultura e dezembro traz ainda mais eventos e momentos especiais.

Enquanto as ‘grandes’ cidades de Palermo e Siracusa valem uma visita de inverno, se você escolher um lugar para visitar na Sicília em dezembro, vá para Taormina.

O dezembro de Taormina está repleto de eventos culturais, a cidade é iluminada e você pode jantar e dormir com estilo! Um dia perfeito de dezembro em Taormina pode incluir doces de café da manhã no centro, assistir ao  Caretti Siciliani, fazer compras na estreita via Teatro Greco, tomar  um aperitivo noturno  no terraço preto e branco e jantar com pasta alla Norma.

Também recomendo visitar Siracusa e Palermo durante o mês de dezembro.

4. Veneza em dezembro

 Sim, Veneza é fria no inverno, e muito mais fria que a temperatura no termômetro, porque a humidade é forte e, sim, você pode precisar lidar com  acqua alta, mas passear pelos becos de Veneza ou subir em um vaporetto  ou gôndola para passear pelos canais é mágico. O nevoeiro e as luzes criam uma atmosfera bonita e romântica.

Você não precisa se preocupar com acqua alta como antigamente. As barreiras MOSE são ativadas e levantadas quando uma maré extremamente alta é prevista. O MOSE não evitou todos os casos de acqua alta, porque as barreiras só são levantadas quando há previsão de maré alta – e se a previsão estiver errada, podem não ser levantadas a tempo. Nesse ponto, não há com o que se preocupar – se houver previsão de acqua alta, o MOSE será acionado. Se o acqua alta chegar, significa que a maré alta não foi prevista, então você não poderia planejar de qualquer maneira!

Bolzano - Trentino - Itália

5. Trentino Alto Adige em dezembro

Se eu tivesse que escolher um lugar para visitar na Itália em dezembro que satisfizesse qualquer tipo de viajante, eu escolheria essa região.

  • Bolzano, perto da fronteira austríaca (e parte da Áustria antes da Primeira Guerra Mundial), você ouvirá mais alemão do que italiano e verá mais salsichas do que massas nos cardápios dos restaurantes. Bolzano tem algo para todos – o melhor mercado de Natal da Itália, excelentes lojas no centro da cidade, pistas de esqui a uma curta distância de carro (ou de ônibus), o Museu de Arqueologia com Ötzi, o Homem do Gelo, vinhedos nas encostas e comida italiana e austríaca! Há uma abundância de acomodações no centro ou nas proximidades, e a cidade é facilmente acessada por transporte público.
  • Trento: Passear pelas ruas de Trento não significa apenas contemplar os monumentos, as igrejas e o castelo de Buonconsiglio, verdadeiros testemunhos da história, mas também retomar o contato com a natureza . Basta erguer os olhos em Trento para presenciar um espetáculo único, pois a cidade é cercada por montanhas  tanto no inverno quanto no verão ou primavera o cenário é verdadeiramente único. Em Trento você respira tranquilidade. Um destino ideal para desligar também porque, depois de visitar o centro histórico, bastam alguns minutos para chegar ao topo de uma montanha e admirar o espetáculo de uma perspetiva completamente diferente!

Se você adora o mercado de Natal de Bolzano, também deve conferir os mercados de Natal em Merano, Trento e Bressanone.

6. Turim em dezembro

Além das instalações no centro da cidade, existem mais nas áreas circundantes. Você pode fazer uma caça ao tesouro, em busca de cada uma das obras dos artistas.

Turim tem uma maravilhosa cultura de cafeterias ao aberto, e continua (mas de forma menor) durante o inverno. Há também muitos lugares sentados no interior dos cafés – perfeito para ler um livro enquanto saboreia  bicerin  (uma bebida quente típica com leite, café expresso e chocolate)!

Ou troque sua bebida quente por vinhos produzidos na região, como Barbera e Barolo.

Turim é o lar do  Eataly original e fica em uma antiga fábrica com muito espaço para seu mercado e restaurante. Durante o mês de dezembro, você encontrará uma seção com cestas de presentes de fim de ano, uma incrível seleção de panettoni  e pandori e comidas e produtos especiais que são presentes perfeitos.

7. Florença em dezembro

Dezembro é frio, mas você sentirá que tem a cidade só para você em comparação com outras épocas mais movimentadas do ano.

Sua sofisticada Via Tornabuoni é iluminada com estilo e as exibições de luz na Piazza della Repubblica sempre valem uma olhada. As lojas estão a apostar mais nas montras, tendo a Rinascente levado o prémio (não oficial – atribuído por mim) recentemente.

Seus museus mundialmente famosos (como o Uffizi e a Accademia) são tranquilos e agradáveis ​​para passear e você pode conseguir uma mesa em um dos cafés da cidade para um delicioso chocolate quente ou outra bebida quente.

Florença também tem o F-light Festival, que ilumina monumentos da cidade com base em um tema anual. O monumento F-light favorito da nossa família é a Ponte Vecchio – é lindo à noite com as cenas projetadas na ponte e refletidas no Arno.

As cidades vizinhas de Arezzo e Montepulciano têm alguns dos nossos mercados de Natal favoritos e aldeias natalinas.

Se você quiser fugir da cidade, vá para o interior da Toscana – algumas vinícolas  abrem suas portas  aos visitantes em dezembro.

Locorotondo

Interessante – Nápoles, Milão, Salerno e Locorotondo

Destinos para evitar em uma viagem de dezembro para a Itália

  • Costa Amalfitana – maioritariamente com negócios e restaurantes turísticos fechados; muito frio para a praia
  • Cinque Terre  – quase todos negócios e restaurantes turísticos fechados; muito frio para a praia; mau tempo para caminhadas e muito vento
  • Cidades Litorâneas – em sua maioria negócios e restaurantes turísticos fechados; muito frio para a praia
  • Pequenas aldeias rurais  – negócios e restaurantes turísticos fechados; a acomodação pode ser fria e úmida
  • Sardenha e ilhas costeiras – pequenas cidades na sua maioria negócios e restaurantes turísticos fechados; as balsas podem ser canceladas devido a más condições; muito frio para a praia

Atividades e eventos na Itália em dezembro

Você não poderá tomar banho de sol, mas há muitas outras atividades para mantê-lo ocupado em sua viagem à Itália em dezembro:

  • Participe de esportes de inverno – esqui alpino, esqui cross country, snowboard, raquetes de neve, trenó. As áreas de esportes de inverno mais conhecidas são Alta Badia, Arabba, Bardonecchia, Bormio, Cervinia, Cortina d’Ampezzo, Courmayeur, Livigno, Madonna di Campiglio, Monterosa, Passo Tonale, Plan de Corones, Sestriere e Val Gardena.
  • Você encontrará pistas de patinação no gelo em muitas grandes cidades, como Florença.
  • Você pode visitaos banhos termais e mergulhar nas águas mornas enquanto a neve cai. Nossos favoritos são Bagno Vignoni e Saturnia no sul da Toscana e Merano nas Dolomitas.
  • Confira as luzes do feriado e as exibições de luz em toda a Itália. Alguns dos melhores estão em Salerno, Torino e Florença.
  • Participe da tradição italiana de visitar um presépio, incluindo presépios viventi, presépios com pessoas reais! Leia mais sobre Presepi – Presépios Italianos !
  • Participe da celebração do Natal na Cidade do Vaticano. Veja a árvore de Natal e o presépio na Praça de São Pedro. Participe da missa da meia-noite da véspera de Natal ou do discurso e bênção papal.
  • Faça compras e lanches nos Mercados de Natal da Itália . Nossos favoritos estão em Trentino-Alto Adige (Bolzano, Merano), mas você os encontrará em todo o país.
  • Maravilhe-se com a arte incrível nos museus da Itália. Você verá que os museus ficam muito menos lotados em dezembro. É um ótimo momento para ver a Última Ceia (Milão), os Museus do Vaticano (Roma), o Coliseu e o Fórum Romano (Roma), o Uffizi (Florença), a Accademia (Florença) ou Pompéia.

O que comer na Itália em dezembro 

Delícias Culinárias - Trentino - Itália

Produtos sazonais na Itália em dezembro 

  • clementinas
  • laranjas
  • repolho
  • radicchio

Comida a não perder na Itália em dezembro 

Prato/Item Área Descrição
Panettone Milão bolo alto com passas e pedaços de frutas cristalizadas
pandoro verona bolo dourado alto
ribollita toscana sopa grossa feita com sobras de pão e legumes
pizzoccheri Lombardia macarrão de trigo sarraceno com repolho, batata e queijo
cassoeula Lombardia ensopado feito com repolho e carne de porco
polenta Norte da Itália fubá cozido, também bem frito ou grelhado; delicioso com cogumelos e queijo taleggio
struffoli Nápoles bolinhas de massa frita mergulhadas em molho de mel
bicerina Turim  bebida feita de leite, expresso e chocolate
sorvete em toda a Itália gelato – sim, é bom até no inverno!

Os melhores lugares para visitar na Itália em dezembro com crianças 

Dolomitas 

Não importa a estação, as Dolomitas são um ótimo destino para famílias. Há muitos hotéis para famílias e atividades voltadas para crianças. Pegue o teleférico até Alpe di Siusi para tobogã, esqui ou snowboard (60 km de pistas), raquetes de neve ou patinação no gelo.  Quando precisar de uma pausa na neve, visite uma das cidades pitorescas e explore os mercados de férias e as exibições de luz.

Abetone, Val di Luce 

Esta área de esqui é um dos favoritos da família porque é pequeno e faz uma viagem de um dia perfeita saindo de Florença. Se você quiser passar a noite, o Val di Luce SPA Resort fica do outro lado da rua das pistas. É perfeito se você tem um bebê ou criança que precisa tirar uma soneca. Esquie, pratique snowboard, ande de trenó ou faça uma guerra de bolas de neve!

Roma

Se você não está interessado em esportes de inverno, Roma é uma excelente opção para famílias que visitam a Itália em dezembro. Faça um city tour, um passeio em família pelo Coliseu e pelo Fórum Romano, coma pizza, jogue sua moeda na Fonte de Trevi, explore o museu infantil de Roma e divirta-se na Piazza Navona.

O que vestir na Itália em dezembro 

Dezembro na Itália não será divertido se você não se vestir adequadamente!

O melhor conselho que posso dar é:

  • Vista-se como uma “cebola”- os italianos adoram usar essa expressão – significa, use roupas a camadas.
  • Use roupas transpirantes
  • Use sapatos quentes, com pelo ao interno e solado longo
  • Vista-se adequadamente para a atividade. Se for esquiar, leve seu equipamento de esqui. Você pode comprar qualquer coisa que precisar aqui.

Transporte na Itália em dezembro

Alguns conselhos para o seu transporte na Itália

Carro

Viajar de carro dá a você mais liberdade, mas pode ser caro quando você soma o custo do aluguel, combustível, pedágios e estacionamento. Felizmente, a demanda de aluguel de carros em dezembro é baixa, então você poderá encontrar o veículo que deseja a um preço competitivo.

Certifique-se de ter correntes de neve no carro ou pneus especiais de inverno adequados para dirigir na neve ou no gelo. Eles são exigidos por lei em muitas estradas italianas de 15 de novembro a 15 de abril. Em trechos da A1 Autostrada, você precisará deles a partir de 1º de novembro.

Se você estiver dirigindo no norte da Itália, esteja preparado para neve nas estradas e possíveis fechamentos.

Atrasos de trânsito são possíveis no início e no final das férias escolares (por volta de 23 de dezembro até logo após a Befana em 6 de janeiro).

Se você não quer ter problema com neve, pedágio, etc… reserve um transfer com motorista, é uma praticidade que vale a pena!

Avião

Se você não quer correr o risco de dirigir em condições de gelo ou neve ou se estiver viajando longas distâncias, opte pelo voo. Os horários das rotas são mais limitados nos meses de dezembro e inverno, mas viajar entre cidades maiores é possível e simples.

Trem

Pode não ser sempre o caminho mais rápido e pode não levá-lo de porta em porta, mas pegar um trem é uma bela maneira de viajar pela Itália no inverno. Se você decidir viajar de trem próximo ao feriado de Natal, certifique-se de reservar suas passagens de trem com antecedência.

Tem alguma pergunta? Deixe aqui nos comentários que eu te respondo!
Sobre Deyse RibeiroSou Deyse Ribeiro, nasci em Minas Gerais, e vivo na Itália há 14 anos. Sou especialista em turismo na Itália, onde adquiri experiência atuando desde 2011 como guia de turismo, criadora de conteúdo sobre turismo e empresária no ramo. Abri minha primeira empresa em 2017, e ofereço serviços, tours, transfers e experiências únicas na Itália, através do Portal TourNaItália.com - uma boutique de experiências diferente de tudo o que você já viu!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.